Iniciação à Vida Cristã

Catequese de inspiração Catecumenal

O que é?

Por catequese de inspiração catecumenal, entende-se o processo de iniciação cristã, uma catequese permanente fundamentada na Sagrada Escritura e, catequético-litúrgica como condição para a iniciação cristã de crianças, de adolescentes, jovens e adultos.

Na Igreja antiga coube à liturgia e à catequese a missão de iniciar na fé, as pessoas. A Liturgia e a catequese são dois aspectos de um mesmo mistério. Inicialmente caminhavam juntas, na unidade, em um processo de Iniciação à vida cristã, que tinha como centro a imersão no mistério de Cristo e da sua Igreja.

Este itinerário acontecia num clima de espiritualidade, oração, celebrações e ritos que marcavam o processo iniciação. Era um caminho antigo e eficiente que foi vivido e desenvolvido pelas comunidades cristãs, aprofundado pelos Santos Padres, acolhido e institucionalizado pela Igreja. Constituía o núcleo do próprio desenvolvimento do ano litúrgico gerado nesse processo que tinha como objetivo a educação da fé.

Com o passar do tempo foi acontecendo uma clara e progressiva separação entre liturgia e catequese que comprometeu este processo de Iniciação Cristã com inspiração catecumenal e a unidade entre os sacramentos. O Concílio Vaticano II, pediu uma revisão teológica e pastoral da Iniciação à vida cristã  que levasse em conta a realidade e os desafios de hoje, buscando um retorno ao estilo catecumenal, para garantir a formação do discípulo missionário.

Desta forma o Itinerário Catequético reforça que: “Assumir a inspiração catecumenal permite-nos um retorno as origens, revalorizando uma lição catequética histórica de valores tradicionais por longo tempo esquecidos […] recorda-nos que a opção cristã deve ser feita com responsabilidade, empenho e avaliada pela comunidade de fé com o devido rigor […] exigindo tempo, progressividade, atitudes e comportamentos” (p. 42).

As características de uma catequese de inspiração catecumenal

O itinerário catecumenal é lugar privilegiado de inculturação, ele garante uma formação intensa e integral, está vinculado a ritos, símbolos, sinais e está em função da comunidade cristã. É um processo que nos permite formar cristãos firmes, atuantes e conscientes. Não é simplesmente, um curso para a admissão aos sacramentos, ou um verniz externo, mas uma formação capaz de motivar os batizados a assumirem o projeto do reino de Deus e a adesão a Jesus Cristo.

O Itinerário Catequético nos aponta que para assumir o processo catecumenal é necessário um caminho de conversão pastoral. Se faz necessário passar:

  1. De uma transmissão infantil a um planejamento que privilegie uma fé adulta;
  2. de uma transmissão doutrinal que dê espaço a uma  formação centrada na fé e na globalidade da vivência cristã;
  3. de uma transmissão ritual-sacramental à centrada no crescimento da fé, da pessoa inserida em uma comunidade eclesial.

Este caminho de interiorização da fé e da vida cristã exige tempo, que seja um caminho progressivo de etapas, ritos de passagens, atitudes e comportamentos e assume os  elementos fundamentais: da Experiência de Deus; do Aprendizado de leitura bíblica;  da dimensão Celebrativa (símbolos e sinais) e da forma orante = Escola de oração; a atenção à formação integral e vivencial, a prática da caridade e a renúncia de si mesmos; e estímulo ao testemunho de vida; íntima cooperação entre  catequese e liturgia e a participação gradativa nas celebrações da comunidade.

Para maiores informações entre em contato com a Coordenação da nossa Catequese clicando na imagem abaixo: